Conmebol faz homenagem ao Santos por '100 anos de jogo bonito'



Órgão parabeniza o Peixe pelo aniversário centenário, que será comemorado neste sábado, e exalta o futebol-arte do Alvinegro

A Confederação Sulamericana de Futebol (Conmebol) parabenizou antecipadamente o Santos pelo seu centenário, que será comemorado neste sábado, 14 de abril. Em seu site oficial, o órgão exalta o Peixe pelos "100 anos de jogo bonito".

Na nota, há referências à grandeza do Santos antes mesmo de ter Pelé no time, com os nomes de Athié Jorge Cury, Adolpho Millon, Arnaldo Silveira, Araken Patuska e Feitiço, entre outros.

Depois, a entidade exalta a era do esquadrão dos anos 60, com o Rei do futebol ajudando o clube a levar inúmeros títulos: nove Campeonatos Paulistas entre 58 e 69, quatro torneios Rio-São Paulo, cinco Taças Brasil, além das duas Libertadores e dois Mundiais, entre tantos outros. A era Pelé é citada como os anos de ouro do futebol arte.

A Conmebol reafirma a grandeza do clube após a saída do Rei. A entidade lembra da primeira geração de Meninos da Vila, campeã Paulista em 78, comandada por Pita, Nílton Batata, Juary e João Paulo, além do mesmo título de 84, com a marca de Serginho Chulapa sobre o Corinthians.

Por fim, o texto volta a exaltar a aposta santista na juventude, com as gerações comandadas por Diego e Robinho, "este pedalando sobre o corintiano Rogério na vitória, por 3 a 2, na final, deram ao clube seu primeiro Brasileirão no formato atual, em 2002, título que se repetiria dois anos depois", além de Ganso e Neymar. A atual dupla sensação do Santos é destacada por fazer do Peixe novamente o dono da América, com o tri da Libertadores, em 2011.

0 Comentários: